Eu, meus vinte sete anos e minha hipocrisia.

Como havia dito meus amigos, eu sobrevivi aos meus vinte e sete anos
O que me resta agora? Quem sabe viver um vida medíocre e sem emoções
Quem sabe eu nunca contribua para nenhum grande feito mundial
Mas o que me importa isso, se nem mesmo fiz algo que preste.
E agora prestes a completar meus vinte e oito anos, paro e penso
Quantos bons morreram exatamente aos vinte e sete anos
E eu aqui sobrevivendo com a minha enorme hipocrisia. Isso mesmo.
A hipocrisia de quem não conseguiu nenhum grande feito, e que agora
Nem mesmo deseja tal coisa. Apenas espera a vida passar. Aos vinte e sete.
Brian Jones guitarrista dos Rolling Stones que de tão bom, mas tão bom
Era capaz de tirar um solo de um ornitorrinco. Morreu aos 27 anos.
Afogado na piscina de sua casa.
Jimi Hendrix, considerado o maior guitarrista de todos os tempos
Com uma guitarra na mão fazia coisas que nenhum ser humano fazia.
Fazia solos memoráveis com sua guitarra canhota. Ele era foda. Morreu aos 27 anos.
Asfixiado pelo vômito, durante o sono, após ingerir nove comprimidos para dormir.
Alan Wilson, vocalista da também fodástica banda Canned heat
Cuja voz era peculiar, o que unida à gaita potente de Bob Hite, destruia tudo.
Executaram uma das melhores musicas do Blues, a famosa: On the road again
A voz do cara te hipnotiza até hoje, muito bom mesmo. Morreu aos 27 anos.
Morto por overdose de heroína.
Jim Morrison, o até hoje cultuado e venerado ex-vocalista do The Doors
Poeta do rock, compositor dos deuses e guia de todos os bons bebedores de Whisk
Responsável por inúmeras canções que servem como hino aos bêbados.
Performático e insano, grande gênio da musica. Morreu aos 27 anos.
Os rumores é que ele teve uma overdose acidental.
Janis Joplin, com sua voz rouca e sua psicodelia típica dos anos sessenta
A musa de tantos marmanjos, não pela beleza, mas pela expontaneidade.
A linda e maravilhosa voz do blues, a dama em meio aos loucos. Morreu aos 27 anos.
Também por uma overdose de heroína.
Kurt Cobain, o vocalista da banda nirvana, responsável pelo movimento Grunge
Surgido nos anos noventa em Seatle, e também pela ressurreição do rock nessa época
Ele tinha todos os elementos de um Rocker, performance, voz destruidora, atitude
E no palco fazia a “pobre” da guitarra sofrer muito. Morreu aos 27 anos.
Suicidou-se com um tiro no queixo
E por fim
Robert Johnson, a lenda do blues, o enigmático compositor das vinte e nove canções
Cuja lenda é de que teria vendido a sua alma ao demônio numa encruzilhada.
Em troca de se tornar o maior músico do mundo, vejo que o diabo o atendeu.
Robert criou as bases do blues sagrando-se assim uma lenda. Morreu aos 27 anos.
Envenenamento foi a causa de sua morte, envenenado pela mulher com quem convivia
Já os supersticiosos dizem que o diabo veio cobrar sua divida. Vai saber né.
Há mais uma legião de nomes de astros do Rock e do Blues, porém me resguardarei.
Os nomes citados acima já dão a dimensão da minha derrota.
Olhar distante, o sol no horizonte, imensidão do infinito, imensidão do ser.
Os nomes citados acima mostram o quanto eu não fiz nada, e estou indo completar 28.
Cheguei aos 27 e sigo para os 28 da mesma maneira, sem ter feito nada.
E provavelmente me manterei assim, afinal minha hipocrisia é enorme
E tenho muita preguiça de tentar modificar algo, logo permanecerei tal como estou.
Eu, meus 27 anos e minha enorme hipocrisia.

PARABENS PRA NÓIS  ~> 20 de Março de 2013 Que Bom Que Voce Chegou ! ! !

Por Brunno Bhrunno